Tradição nas embalagens de produtos pessoais

Para encerrar a série sobre embalagens russas, o Fronteiras deste mês vai apresentar as peculiaridades das embalagens para produtos pessoais. No geral, o uso da arte e da tradição nas embalagens, como as fotos das antigas matriarcas, é bem comum nos rótulos. Há arte nas bisnagas, desde a categoria de oral care, como no creme dental R.O.C.S.®, cuja grafia do nome acompanha a arte do cartucho, junto com a aquarela de uma árvore que lembra bem a arte de mosaico, forte na Rússia.

A Hexharnehka (НЕЖНАЯ ПЕНКА®) utiliza bisnagas numa categoria considerada premium. O produto é um anti-idade facial de alto valor e custo. Os traços mais sóbrios, clássicos e alinhados aos demais produtos da linha, em tons fortes de vermelho e marrom finalizados com o hot stamping dourado, marcam os detalhes.

A OrganicTherapy® abusa dos recursos gráficos para se destacar nos pontos de venda, além do hot stamping prata, de forma bem harmoniosa e suave. As folhas “metalizadas” são compostas delicadamente com as demais, coloridas. O acabamento soft touch da bisnaga acentua a proposta orgânica e suave da máscara facial.

A Ujirbahn (ДЛЯ БАНИ®) decorou sua bisnaga de creme para massagem à base de mel com um rótulo autoadesivo. A arte é bem incrementada, com hot stamping emoldurando a colmeia de abelhas. O caminho criativo é o mesmo adotado no restante da linha, que é tradicionalíssima na Rússia. Para garantir um ajuste perfeito, o rótulo tem um corte inteligente e adequado que se encaixa na bisnaga e não enruga à medida que o produto vai sendo consumido.

Vermelho, vinho e marrom são as cores mais usadas, como no xampu KPACHAЯЛИHИЯ®. O frasco segue o padrão russo: reto e sério, mas o rótulo traz um pequeno detalhe em hot stamping e uma ilustração hiper-realista de orquídea branca que adorna delicadamente o conjunto.

Encontramos também exemplos de produtos que “apelam” para a ecologia, porém, não conseguem alinhar o conceito à embalagem e, com isso, perdem uma grande oportunidade de se consolidar. A Natura Siberica ® tem uma linha de produtos “naturais” e chegou a ganhar o “Best Green Cosmetics” da feira Cosmoprof em 2012. No entanto, o frasco, que mais lembra uma granada, poderia ser de plástico reciclado e ter tampa do mesmo material, sem a necessidade de usar “tag”, principalmente com hot stamping.

Notei que, de maneira geral, os russos estão bem à nossa frente em relação à rotulagem ambiental. Quase todas as embalagens estão corretamente identificadas, pois orientar sobre o material, se é reciclável ou reciclado, e onde se deve dispô-lo, é educação ambiental. Embalagem pode e deve orientar sobre a sua correta disposição. Embalagem melhor. Mundo melhor.

Compartilhe:

Para mais informações, entre em contato conosco!
Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pelas Políticas de Privacidade e Termos de Serviço do Google.