Voilà les emballages françaises!

As embalagens francesas seguem as grandes tendências de consumo ajustadas ao modo de vida francês. Essa é uma conclusão que se tira de uma simples caminhada. Os franceses são muito elegantes, sempre atentos à moda e a hábitos saudáveis. Buscam o bem viver, amam passear em parques, apreciam o que é bonito, gostam de literatura e arte em geral.

Grandes redes de supermercado como Carrefour, Monop, Francprix, Auchan, Casino, Castorama participam da vida francesa, porém as pequenas Boulangeries (padarias), os pequenos mercados ou empórios especiais, adegas, açougues e outros negócios continuam firmes com sua clientela cativa.

Destaque para a novidade do Casino 24 horas, que instalou nas saídas dos metrôs grandes máquinas automáticas para o autoatendimento com vários produtos à mão no caminho de casa.

É uma tarefa desafiadora relatar sobre as embalagens de um país num único artigo, assim, neste primeiro artigo, falaremos das diferentes apresentações para alimentos e bebidas e, no seguinte, das embalagens para higiene pessoal, limpeza e outros.

Os franceses têm o hábito de consumir no café da manhã geleias, iogurtes e mel. Na hora do almoço, quase sempre contam com saladas e uma carne no cardápio, alternando entre frango, boi ou peixe. No jantar ou no final do dia, costumam degustar, em companhia de um bom vinho, pães com patês ou frios e sopas, por isso encontramos uma grande diversidade desses produtos.

Sofisticação e praticidade, fundamentais na hora da refeição

Para os franceses é fundamental que o charme vá à mesa ou às mãos. No desjejum, esses consumidores dão preferência para produtos com o design moderno, clean e premium.

A praticidade é entregue pela Belle France no Mini Knacks, com seu copo de papelcartão, em que as pequenas salsichas podem ser saboreadas em qualquer lugar, frias ou aquecidas por apenas 50 segundos em forno micro-ondas. Os palitinhos também vêm embutidos na própria tampa para facilitar o consumo imediato e on the go.

Note a refeição balanceada oferecida pela Saupiquet, que também é saborosa, prática (garfinho incluído) e muitíssimo bem apresentada.

Para a pausa da tarde ou lanche da noite, a Belle France e a Leerdammer entregam queijos fatiados em bandejas multicamadas com barreira e abertura fácil para garantir o refechamento, mantendo as fatias separadas e fresquinhas.

A empresa Michel et Agustin se posiciona acima dos seus concorrentes com um apelo de saudabilidade e sustentabilidade, entregando seu iogurte em potes de papelcartão com design retrô.

Na França, ainda se encontram iogurtes em potes de vidro, remetendo às origens e posicionando empresas, como a La Ferme du Manège, num patamar acima das demais.

Na mesma linha estão as sobremesas da Rians com potes de cerâmica: ar retrô, sabor atual, apelo mercadológico moderno. Característico de um país charmoso, em que outro país teríamos mel oferecido em papelcartão, vidro e bandejinhas unitárias? Essa é sem dúvida uma oportunidade para as empresas que querem aumentar sua posição inovando. Empresas que insistem em vender produtos em apenas uma única apresentação e que não atentam às mudanças estão fora da rota. Até os produtos orgânicos têm se apresentado com embalagens mais elaboradas, capazes de posicionarem melhor as marcas e os produtos e, com isso, aumentarem o valor das empresas.

Para a pausa da tarde, o clássico francês: biscoitos, geleias e café

A Bonne Mamam, outro clássico da cultura gastronômica francesa, acompanhando as tendências, aumentou a conveniência dos consumidores com uma abertura nova na parte central da embalagem.

A LU fez o mesmo para o Tuc, só que numa embalagem flexível, provando que sempre é possível ir além.

A Suchards continua oferecendo seus chocolates numa nécessaire delicada no produto “Imagine”. Observem que as embalagens individuais mantêm o formato, mesmo sendo de outro material e tecnologia muito diferente.

Patês: não precisam ser redondos… nem pesados!

A francesa Lactel, atenta às necessidades das pequenas famílias, tem embalagens de leite em frascos multicamadas (longa vida) com apenas 250 ml, medida de um copo convencional.

A Coca-Cola, antenada na moda francesa e em diferenciação, já lançou por lá embalagens com design assinado. Recentemente apresentou a versão de Jean Paul Galtier arrasando numa simples latinha. Para os aficionados e colecionadores entregou uma garrafa de alumínio, a Skyfall.

A nova sociedade impõe produtos melhores, práticos, bonitos, saudáveis, seguros, além de social e ambientalmente sustentáveis e culturalmente sintonizados. Nós tivemos a oportunidade de conhecer as estratégias de um dos mais belos países.

Compartilhe:

Para mais informações, entre em contato conosco!
Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pelas Políticas de Privacidade e Termos de Serviço do Google.