O varejo australiano e suas embalagens

Dando continuidade ao especial sobre o mercado de embalagens na Austrália, nesta edição, trataremos das características do varejo e dos produtos. Há grandes mercados que normalmente se encontram nas metrópoles e mercados menores espalhados nas demais cidades, no entanto, as principais redes varejistas são o Woolworths, o Coles (mais antigo) e o IGA.

O Woolworths tem a maior rede e o maior volume de SKUs. Hoje está presente também na Nova Zelândia, lá como Countdown, e na África do Sul. É bastante moderno e já tem opção de self check out (o cliente faz seu próprio check out e realiza sozinho o pagamento das compras na máquina de cartão de crédito ou débito), usando smartphones. Conta com quatro marcas próprias, das quais duas são as principais: Select (Premium) e Home Brand (mais econômica).

A rede Coles, uma das mais antigas, também é a mais popular. Trata-se de um mercado muito grande e moderno que já possui quatro marcas próprias: Organic, Greenchoice, Finest e Smart buy. O IGA (associação de mercados independentes) é mais simples e menor. Existe uma enorme preocupação com a questão do alcoolismo. Assim, as bebidas alcoólicas não são vendidas em qualquer lugar. Até os restaurantes precisam de licenças especiais para vendê-las. Um dos maiores varejistas do País é a rede Liquorland.

A Austrália é o maior país consumidor de orgânicos e, por isso, tem lojas exclusivas para esses produtos. Os hábitos alimentares dos australianos tendem a ser bem equilibrado, já que é um país colonizado por ingleses e com forte influência de orientais devido à grande migração de chineses, indonésios e outros povos orientais.

Produtos como mel são bem valorizados, assim como os alimentos sem agrotóxicos, sem conservantes, à base de frutas, entre outros aspectos naturais. O país é também um dos maiores produtores e consumidores de vinho do mundo.

É notável a diversidade de produtos infantis à base de frutas e legumes, muitos orgânicos. Em sua maioria apresentada com apelo saudável também nas embalagens.

O vinho é comercializado, na maioria das vezes, em garrafa de vidro com tampa de alumínio por ser mais prática, bem como em bag-in-box. Encontrei, inclusive, vinho em caixa de micro-ondulado kraft, bem rústico, com forte apelo natural, e ao mesmo tempo, a bebida em stand-up pouch, de 250 ml, bem moderno.

Embora os australianos consumam muito vinho, o País também tem suas cervejas, como a Bundaberg, ginger beer, cerveja à base de gengibre da mesma empresa que produz o destilado australiano mais famoso: o Bundi.

As principais marcas de cerveja são a VB, Cascade, Crown lager, Foster, Carlton Dry. A Crown lager, por exemplo, apresenta uma embalagem de vidro diferenciada, com gargantilha, um verdadeiro luxo. A Cascade, da ilha da Tasmânia, é acondicionada em uma garrafa de vidro com relevo, que remete às ondas do mar. As cervejas também são disponibilizadas em lata de alumínio tradicional, lata longa e embalagens de vidro. O destaque nessa categoria é que as cervejas são comercializadas em embalagens com, no máximo, 350 ml, estimulando o consumo individual.

Os produtos de limpeza são em sua grande maioria concentrados. Os detergentes em pó são embalados em um cartucho com tampa abre e fecha frontal. Alguns apresentavam refil, como o amaciante Woolworths Select. Outros limpadores aderiram aos paninhos, ou seja, o produto já vem diluído num pano para ser usado. Alguns utilizam fotos em preto e branco, com apelo retrô e mais ecológico.

Com relação aos produtos de higiene pessoal, muitos simples, seguindo a linha do menos é mais, com poucas cores e elementos, mas bem elegantes, como o Milk e o Moose. A marca Larosa incorporou rosas de inspiração impressionista e o resultado ficou surpreendente. A linha de produtos Organic Care, que usa uma decoração leve e frasco de PLA, merece destaque. Usando um splash que lembra um green washing, a Bio Pack, no entanto, não explica, por exemplo, qual é o material do rótulo nem como deve ser o descarte correto da embalagem.

É sempre um grande aprendizado ver e comparar as embalagens de outros lugares do mundo. Esse ato traz novas reflexões e novos conceitos. Esperamos que tenha aproveitado. As próximas novidades serão sobre a Nova Zelândia. Até lá!

Compartilhe:

Para mais informações, entre em contato conosco!
Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pelas Políticas de Privacidade e Termos de Serviço do Google.